As pessoas vivem me pedindo para falar alguma coisa: “Théo, fala alguma coisa. Hoje você está tão quieto.”, ou coisas do tipo. Eu realmente não ligo. Gente que fala demais morre cedo. Ou porque brigou com alguém e tomou um tiro, ou porque se engasgou comendo farofa.

A turminha fala que eu sou quietão mas na verdade acho que é eles que falam pelos cotovelos. Porém, vamos ser sinceros eu sou meio anti-social, eu conto as palavras que eu digo durante o dia, não gosto de falar merda por merda e toda hora, é chato e degradante. E aqui onde eu moro, as pessoas tem um vicio incrível, coisa de roça, falar da vida dos outros. É incrível, eu até já testei. Passava perto de pessoas na faculdade é via se elas estavam falando de alguém. Entre 5 tentativas 4 deram certo. Os ditos estavam falando de alguém, do que ele tem feito, se mudou de emprego ou coisa do tipo. Chato. Degradante. Infantil mas fazer o que? Vamos fingir que não é com agente e continuemos a falar menos e melhor. Porque eu primo é qualidade, não quantidade. bla, bla, blá!