Altar grego para o Deus desconhecido

Olá leitor! Eu novamente abordando o cristianismo  para quem não é cristão (pelo menos é esse o meu objetivo!).

Hoje eu vou comentar algo que tem me incomodado muito. Devo dizer que eu dou risada quando assisto programas de carater cristão duvidoso na tv.”igrejas globais da vida”, ou, “comunidades poderosas da maquiagem de Deus”, esse tipo de coisa. Mais coisas que eu sempre dou risada meu coração se entristece por não perceber o Senhor Jesus sendo pregado. Não quero tratar disso precisamente, meu objetivo nesse post não é dizer que está certo ou errado, e sim dizer que Cristo está certo, que ele e suas palavras são os verdadeiros parâmetros para nossa vida, fugindo dessa ideia muitas coisas aparecem, muitas menos cristo. Digo isso por ser muito fácil, a realidade mostra, deixar que caiamos por causa de pequenas pedras. Admito que por muito tempo passei obscurecido por muitas coisas, mas hoje posso dizer que encontrei Cristo, passei a crer na sua palavra e não viajar nela. Sua graça me alcançou, definitivamente, de maneira que hoje vivo uma vida mais perto dele e mais aberta a ele do que antes. E esse antes, se baseava na falsa ideia da graça, e na falsa ideia dele, hoje vejo o quanto ele é amoroso e compreensivo, algo essencial para a situação nossa. E baseado no momento em que Jesus vai lavar os pés dos discipulos, e quando Pedro diz: “Senhor, eu não vou deixar que tu laves meus pés!”. E porque ele fez isso? Porque era auto-suficiente, não tinha sido revelado da verdadeira personalidade da graça de Deus: Cristo lavando seus pés! Porque? porque o homem não pode fazer isso só! Contudo, deixamos tudo isso por migalhas da mesa, onde habita miséria de Deus, não que eu não veja que o que se ganha com as pregações de hoje não seja bom para ninguem, e o é, porém a verdade de Deus não está na defesa da saúde terrena, ou da posse de promessas de ambição, ou empresas, e sim, no caráter de sua relação com Deus, sem isso, devo repetir o que Cristo falará no final de tudo: “aparta-te, maldito, não te conheço!”. E as doutrinas de demônios vomitadas das bocas dos prósperos nos levará apenas a um lugar, o de desconhecer a Deus.

Os evangelhos são claros e o novo testamento, e o velho, que o relacionamento com Deus está acima das coisas passageiras, e é isso, que apenas continuará na eternidade. Milagres levavam a se falar de Cristo, porém, no novo é bem visivel que a salvação não está ligada a isso. Os verdadeiros milagres que Deus nos constrange com seus espirito santo é amar, perdoar, ajudar, orar, sorrir, brincar, viver e todas as coisas que o apostolo Paulo nos conclama a pensar, coisas de virtude. Foi um milagre, a mulher adultera ir de encontro a Cristo e chorar aos seus pés, e limpar com seus cabelos o óleo que custou quase toda sua vida trabalhando. Oras, milagres não são coisas incomuns? Os exemplos são diversos na biblia e na nossa vida diária. O senhor nos chama não à babulrdia do dinheiro e da felicidade terrena mas a felicidade que excede todo entendimento, alicerçada nele e para ele, na completa existencia que o homem tem quando encontra Deus.

Marx estava certo quando disse que a religião era o ópio do povo. Porém, ele não sabia que Cristo era a água da vida e o pão do céu, e sem isso não se pode viver sem. E é por isso que devemos sair de nossas sinagogas, pararmos de vender coisas dentro do templo e sigamos Cristo pela judéia afora!É isso! Foi um post pequeno o de hoje mas minha cota de tempo sem escrever expirou e era preciso! :P

PS: E a paz do Senhor Jesus Cristo venha sobre ti nessa hora, e que você encontre o Deus desconhecido que se mostra e se mostrou atraves da natureza, e na propria natureza do homem, e seja livre, para viver plenitude de viver a verdade de todas as Eras: Cristo!