Arquivos para posts com tag: leitura

Olá, esse post vai ser um de vários sobre o meu journal de memorizar a biblia. É claro, não vou dizer e pensar “memorizar a biblia toda”, naks! Vou memorizar o que dá, e como as minhas tentativas usando mnemosyne e o anki com japones funcionaram, SRS funciona e é divertido! Vou descrever basicamente o que farei:

1) Criar cartões com os versiculos que quero memorizar (que caibam no meu bolso) e leva-los a todo lugar. (eu leio o versículo no cartão umas 10 vezes acho e depois repito por volta de 30 vezes sem o cartão durante o dia, depois que eu acho que está bom eu passo pro próximo, sem pressa)

2) Memorizar enquanto estou no hidden times (fila de dentista, fila de banco, sem fazer nada, onibus etc…)

4) Gravo no mp4, minha leitura do versículo e fico ouvindo quando esqueço.

3) Colocar em decks no Anki por livros e capitulo conforme eu for memorizando.

Pronto, já dando de ante mão que começei ontem a memorizar Tito 1, estou nos versículos 1-8.

Só vou pegar apenas livros pequenos e do novo por enquanto, o que creio, vai me motivar muito mais.

O próximo post sobre será quando eu terminar o livro e falar sobre a experiência e como posso melhorar.

PS: O video que me motivou e o texto que li sobre memorização bíblica, nada de novo mas é legal

Paz em Cristo


Haviam dois moços perto de uma macieira num entardecer. O mais novo perguntou ao mais velho: “Querido amigo, o que você faz quando se sente só?” O outro amigo responde calmamente, tentando se fazer de experiente: “Bem, meu querido amigo, eu leio. É nestas ocasiões que eu realmente leio, me encho de palavras de outros para esquecer as minhas.” O mais novo para e tenta digerir o que seu grande colega responde, e subitamente, o moço inexperiente responde olhando para os olhos de seu experiente amigo: “Eu tento andar, chamar-te para sair ou coisas que me juntem a outros solitários.Não acho que a leitura me faça sentir preenchido, ela não me produz alegria, nem muda o meu estado. É apenas ler, invenção humana, nada além disso.” O amigo de alguns poucos anos mais velho retruca: “Tudo bem, creio que você está certo, ela não muda, a leitura não me traz conforto nem descanso, ela apenas preenche minha mente e apenas isso. Porque se fosse ao contrário faria coisas piores na minha solidão.” O mais novo responde:”É, vejo que nem mesmo nós homem possuímos o controle, mesmo do mais simples dos sentimentos, que creio eu seja a solidão, não conseguimos apagar. A solidão é apenas falta de algo, de alguém e que mesmo tenhamos um substituto nosso coração não se a quieta. Tu és pobre e assim como eu, vive em completa miséria. Só me pergunto que livro nos traria vida novamente?”  O mais velho para, olha para a macieira vendo seus frutos,vira olhando para seu amado amigo dizendo: “Um livro eu tenho mas nem esse eu compreendo, tu já leste  e  te fez amigo mas mesmo assim não haveríamos de entender se pelo menos falássemos com  o autor, e temo que só seja possível no momento que nos entreguemos ao não tentar. De outra forma, tenho medo de morrer devorando algumas migalhas de escritos e não lendo argumentações deste autor.”….